Contemplação de autoidentificação da Shakti -homenagem ao dia das mulheres

Contemplação de reintegração ou reidentificação com a essência sagrada ou dimina feminina:

Eu Sou a Mulher Real,

A Deusa na forma de Mulher

Pois expresso em mim a Iluminada Essência Feminina,

Sou a grande mãe, senhora do oceano primordial

De mim nascem todas as coisas e a mim tudo retorna

Sou a senhora da natureza.

Sou a beleza vermelha da terra fértil,

Mãe dos grãos e dos ciclos, das plantações, das colheitas,

Sou o branco da lua, o prateado das estrelas, o dourado do Sol

A majestosa beleza das montanhas, das colinas verdejantes, dos campos floridos, os segredos das florestas,

A vida das arvores frutíferas e ervas curativas

Brilho e cintilo nos cristais e nas pedras preciosas,

Sou a Deusa que vive no eterno murmúrio do mar e dos riachos,

A Senhora das águas, dos lagos cristalinos, fontes, cachoeiras, das geleiras, chuvas e do arco iris

Moro nos raios do sol e nas chamas flamejantes

Sou a Senhora dos vulcões e relâmpagos

Rio e sussurro no farfalhar das folhas,

no frescor do ar e no rodopio do vento e no força dos trovões

Sou o portal entre os mundos

A Guardiã dos elementos e do fogo sagrado

A Senhora das estações, das direções, das dimensões

Eu Sou a Mulher Real,

Sou a Rainha da noite

O crepúsculo e o silencio dos recantos ocultos da terra

Sou as misteriosas sombras da noite

Sou aquela que sustenta as almas e anima o espírito

Me encontro no âmago de cada ser

Sou a libertadora e renovadora, estou presente nas transição da morte e do despertar

Sou a senhora da Luz e da escuridão, que conduz e ilumina aqueles que me procuram

Eu Sou a Mulher Real,

A Mãe e Companheira Soberana

A primordial mãe e Companheira de todas as eras, Á primeira dos seres Luminosos,

A universal e Cósmica rainha das Deusas e Deuses, venerada por mil nomes, infinitas manifestações e inumeras formas

Sou a força da grande sabedoria da Terra e do Cósmos

Sou o poder do grande propósito da existência

Sou a donzela, a mãe, a companheira, a anciã, a amazona, a amante, a rainha, a maga mestra, a curandeira, a matriarca, a grande sábia, a sacerdotisa

Sou a beleza e das musas e o encantamento das ninfas

Sou a coragem das guerreiras,

Sou o poder transformador que faz dos obstáculos e limites, uma grande sabedoria

Sou a percepção e proteção das Guardiãs,

Abrigo, eu cuido, eu acolho, eu sustento, nutro, educo e Amo

Moro no coração da Terra, dos minerais, dos vegetais, dos animais, dos homens, mulheres e Anjos

Vivo nos seus amores, nos seus prazeres,

Na sua dança, canção, poesia e inspiração

Tudo em mim é sagrado e curador

Tudo em mim é Amor, é compaixão,

É harmonia, é Plenitude, é Confraternidade

By mulheres maravilhosas