Therese Neumann – uma santa cristã

Therese Neumann

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre

Teresa Neumann.

Therese Neumann (8 ou 9 de abril de 1898 – 18 Setembro 1962) foi uma alemã católica místicaestigmatizada .

Ela nasceu na aldeia de Konnersreuth na BavieraAlemanha , onde viveu toda sua vida. Ela nasceu em uma família grande, com pouca renda. Ela era um membro da Ordem Terceira de São Francisco .


Em 10 de março de 1918, Teresa Neumann foi parcialmente paralisado após cair de um banquinho ao atender a um incêndio no celeiro do seu tio.
[1] Ela cai mais sustentada e lesões durante este período. Depois de uma queda particular, ela alegou ter perdido muito de sua visão. Em 1919, ela foi cegado completamente. Acamados, ela teria desenvolvido horrívelescaras que algumas vezes expostos óssea. [2]

Doenças

Teresa informou que sua visão foi restaurada em 29 de Abril 1923-o dia Teresa de Lisieux foi beatificada em Roma . Therese Neumann estava orando novenas antes de o dia de hoje. [3]Em 17 de maio de 1925 Teresa de Lisieux foi totalmente canonizado como santo na Igreja Católica . Therese Neumann disse que o santo chamou-a e depois curou de sua paralisia e escaras. [4]

Em 7 de novembro, 1925 Neumann levou para sua cama de novo, e em 13 de Novembro foi diagnosticado com apendicite . Enquanto preparado para a cirurgia, ela convulsionouviolentamente e olhou para o teto, finalmente dizendo: “Sim”. Ela pediu a sua família para levá-la à igreja para rezar imediatamente. Ela, então, anunciou que tinha sido curado de todos os vestígios de apendicite. [5]

Stigmata

Teresa, mais tarde, aparentemente, desenvolver a estigmas . Ela disse que em 5 de março de 1926, primeira sexta-feira da Quaresma , uma ferida tinha aparecido um pouco acima de seu coração, mas que ela tinha guardado este segredo. No entanto, ela se apresentou uma visão de Jesus no Monte das Oliveiras com três Apóstolos[6]

Em 12 de março, ela disse que tinha uma outra visão de Cristo no Monte. Das Oliveiras, junto com a coroação de espinhos . Ela também alegou que a ferida reapareceu acima seu coração neste dia, e ela falou com sua irmã sobre isso. Ela alegou que a ferida reapareceu também na sexta-feira da semana seguinte. Até 26 de março, ela estava reivindicando a mesma ferida acompanhada por uma visão de Cristo carregando a cruz e uma ferida semelhante na mão esquerda. Sangue foi observada em suas roupas, e ela já não tentou manter a informação para si mesma.

Na sexta-feira, Neumann de acordo com seu próprio testemunho testemunhou toda a Paixão de Cristo em suas visões. Ela mostrou as feridas nas mãos e pés acompanhado do sangue, aparentemente vinda de seus olhos. Sangue derramado das feridas, no entanto – de acordo com livro Neumann-crítico Josef Hanauer, The Swindle de Konnersreuth – espectadores realmente não vê o sangramento em ação, somente o sangue em si. [7] No entanto, de acordo com o autor Albert Paul Schimberg, muitas pessoas observado seu sangramento feridas e destas testemunhas não eram de forma limitada a sua família imediata e Fr. Josef Naber. Predefinição: Gish, Lillian. The Movies, o Sr. Griffith, e Me, p.302, Gish narra sua visita com Neumann Por três horas daquele dia, seu pároco Pe.. Josef Naber foi convocado para dar Neumann do Last Rites . Por quatro horas, sua condição melhorou. As feridas em seus pés e mãos foram observados quando ela estava banhada.

No domingo de Páscoa, ela alegou uma visão da ressurreição de Cristo . Por várias sextas-feiras consecutivas, depois disso, ela afirmou que ela estava experimentando a Paixão de Cristo , aparentemente sofrendo em seu próprio corpo, juntamente com todas as suas agonias histórico. Ela sofreu especialmente da Paixão na sexta-feira a cada ano.

Até 5 de Novembro de 1926, ela exibiu nove feridas na cabeça, bem como ferimentos em suas costas e ombros. Segundo várias fontes essas feridas nunca cicatrizadas ou se infectaram e foram encontrados em seu corpo na morte.

Inedia

Desde o ano de 1922 até sua morte em 1962, Therese Neumann aparentemente consumido nenhum outro alimento que a Sagrada Eucaristia , e alegou ter bebido água não a partir de 1926 até sua morte. [8]

Em julho de 1927 um médico e quatro enfermeiros franciscano mantido um relógio em sua 24 horas por dia por um período de duas semanas. Eles confirmaram que ela havia consumido nada, exceto por uma consagrada hóstia sagrada por dia, e tinha sofrido nenhum efeito doente, perda de peso, ou desidratação. Montague Summers no “fenômeno físico do Misticismo”[9] fala de sua habilidade sobrenatural para sobreviver por longos períodos sem comida ou água. Ele apoiou esta afirmação citando um artigo sobre Therese Neumann no 05 de janeiro de 1940 “The Universe”, que disse a camponesa recusou cartões de racionamento alemão dizendo que ela não tinha necessidade de comida e bebida.

Durante alguns dos seus transes sexta-feira, ela iria proferir frases identificado por testemunhas (incluindo padres ), como antigo aramaico . Ela também foi dito ter sido capaz de entender hebraicogregolatim[10]

Diversos

Durante o Terceiro Reich , Therese Neumann era o alvo de zombaria e difamação, como os nazistas sabiam sobre suas opiniões dissidentes e temido sua popularidade crescente. Ela foi observada pela Gestapo[11] Ela nunca foi fisicamente prejudicado, apesar de sua casa, família, igreja paroquial ea casa de padre todos receberam ataques diretos. Ela incentivouFritz Gerlich para continuar a sua oposição a Hitler e seu partido nacional-socialista . Gerlich foi posteriormente morto por ser oposição.

Wikisource tem texto original relacionado a este artigo:

Paramahansa Yogananda visitou e escreveu sobre seu caso em seu livro Autobiografia de um Iogue , publicado em 1946. Ele escreveu um capítulo inteiro, Therese Neumann, The Estigmatizada Católica da Baviera , que reverentemente dá uma descrição vívida de primeira mão de um de seus transes Paixão sexta-feira.

Em 18 de Setembro de 1962, Teresa Neumann morreu de parada cardíaca , depois de ter sofrido de angina de peito há algum tempo.

Igreja Católica Romana não confirmou nem negou a inedia (a partir do qual ela sofreu de acordo com seus críticos), nem seus estigmas. O “Resl”, como ela é coloquialmente conhecido, no entanto alcançado um lugar na piedade popular – uma petição pedindo sua beatificação foi assinado por 40.000 pessoas. Em 2005, Gerhard Ludwig Müllerbispo de Regensburg , formalmente aberto o processo do Vaticano para sua beatificação.

Sua tarefa na vida

De acordo com Paramahansa Yogananda , Teresa Neumann disse durante sua visita: “Uma das razões pelas quais eu estou aqui na terra hoje é provar que o homem pode viver da luz invisível de Deus, e não apenas de alimento.” Seu julgamento foi: “eu percebi imediatamente que sua vida estranha é destinado por Deus para tranquilizar todos os cristãos a autenticidade histórica da vida e crucificação de Jesus como registrado no Novo Testamento, e para mostrar de forma dramática o vínculo sempre viva entre o galileu Mestre e os seus devotos. ” Quando Paramahansa Yogananda questiona a noção de que Teresa Neumann viveu comendo apenas bolacha um diário eucarístico durante os últimos 12 anos, ela afirma que ela vive pela luz de Deus. O yogi renomado então sugere: “Vejo você percebe que a energia flui para o seu corpo a partir do éter, do sol e do ar.” Therese então sorri e expressa sua felicidade que ele entende do jeito que ela vive. [12]

Notas

  1. ^ Vida e Morte de Teresa Neumann, Mystic e Estigmatizada, por Albert Vogl, ISBN 0533033799 (Vogl), p. 2
  2. ^ Vogl, 3
  3. ^ Vogl, p. 4
  4. ^ Vogl, p. 4,5
  5. ^ Vogl, páginas 5, 6
  6. ^ Vogl, p. 7
  7. ^ Hanauer, Josef, The Swindle de Konnersreuth, um escândalo sem fim. texto on-line , página da web encontrada 2007/10/23.
  8. ^ Vogl, p. 17
  9. ^ [1]
  10. ^ Vogl, pp 48,49
  11. ^ Vogel, ibid., p. 77.
  12. ^ veja o Capítulo 39 da Autobiografia de um Iogue por Paramahansa Yogananda

Leitura adicional

  • Therese Neumann A Estigmatizada dos nossos dias, por Friedrich Ritter von Lama
  • Crônicas mais de Teresa Neumann, por Friedrich Ritter von Lama
  • Vida e Morte de Teresa Neumann, Mystic e Estigmatizada, por Albert Vogl, ISBN 0533033799
  • Fenômenos mística na vida de Threresa Neumann, pelo Reverendíssimo Josef Teodorowicz traduzido por Rev. Rudolph Kraus, Ph.D., STD
  • A história de Teresa Neumann, de Albert Paul Schimberg
  • O caso de Teresa Neumann, por Hilda C. Graef
  • As visões de Teresa Neumann, por Johannes Steiner
  • Theresa Neumann: A Portrait Baseado em relatos autênticos, Revistas e Documentos, por Johannes Steiner
  • E sobre Therese Neumann: Um fundo de forma concisa, e análise da recepção crítica concedido Hilda C. Graef ‘s o caso de Teresa Neumann, por Leonard J. Fick
  1. ^ see Chapter 39 of Autobiography of a Yogi by Paramahansa Yogananda